quinta-feira, 3 de julho de 2014

Snapictures apresenta: Giuliana Verano

Quero começar dizendo como foi demais fazer essas fotos. Começando pelo almoço, até a edição final. A quantidade de pessoas talentosas envolvidas, a dedicação e o resultado impressionante. Desde a Giu no porta-mala e um carro da policia atrás, o carro na reserva e não tinha posto para abastecer, a procura pelo campo de girassóis, e em todos os momentos podemos ver a presença de um Deus poderoso que estava abrindo portas para nós. Muito obrigada Pâm e Lari pela colaboração, vocês foram peças fundamentais. A apresentação da Giu vai ser de uma forma diferente. Ela carinhosamente respondeu umas perguntas e não tive como não colocar tudo. Então desculpe se ficar um pouco longo. Mas ela é incrível e uma das melhores pessoas que já conheci ali no colégio. Vale a pena saber mais sobre essa mocinha. E mais uma vez muito obrigada por fazer parte do nosso projeto princesa. As fotos foram feitas em um campo de girassóis na estrada para Limeira-SP e em um Arás que ficava bem próximo do campo. E voilà. 

Fale um pouco sobre você.
Comer shitake. Impaciente apressada/ Paciente e lerdinha. Caldinho de feijão antes do almoço. Vegetariana e gostaria de me tornar vegana. Mania desde pequena de cumprimentar sorrindo quem eu não conheço. Franzir o nariz. Não gosto de chocolate. Gosto de dar apelidos pra quem eu gosto. Faço listas de coisas engraçadas para fazer pra nunca ficar entediada. Faço MUITOS planos, o tempo todo. Musica internacionais dos anos 70 e 80. "A alma lavada com água salgada" = praia é terapia! Não bebo e tenho mais histórias malucas pra contar que aconteceram comigo do que um bando de bebum junto, aposto. Ayrton Senna e Audrey Hepburn. Espirro alto e falo alto. Estabanada. Sempre trombo, piso, bato, em alguém de preferencia desconhecidos. Jesus, na minha opinião é/foi a maior prova de amor e humildade. Desligadinha da vida, agora triplica o que eu escrevi. Andar descalça e sentar no chão, aí me sinto confortável.

O que você quer fazer depois que terminar a faculdade, e como surgiu a ideia de fazer jornalismo?
Quero exercer o meu diploma poxa!  4 anos estudando os treco e agora quero ver no que vai dar! A ideia foi que eu falo muito, e gosto muito de ouvir, e queria uma profissão que pudesse ajudar os outros... Sim, tem um monte de profissões que também ajudam os outros, mas eu quero falar, me expressar, se não eu explodo (que verbo estranho, nem sei se é assim mesmo)!!!  Resumindo "marromenos" foi assim...



Você já fez alguns trabalhos como modelo. O que você acha dessa carreira, como foi, e pretende seguir?
Oh, pra ser sincera, é muito legal, estar num lugar onde você aprende coisas novas é sempre gostoso, MAS não é algo que eu vou levar adiante porque não me deixa completa. Vale a pena quando a visão da equipe ou da agência é voltada para áreas de uma visão mais nobre, uma visão filantrópica ou para expressar princípios e valores que estão perdidos na bagunceira do mundo. Hoje estou agenciada porque pô, sou universitária, preciso de um dinheirinho a mais. É fase. Porém, faço de tudo para deixar claro quem eu sou, a verdade que eu sigo, os meus princípios e o Deus que eu acredito.

Então, o que você estava esperando de como seria as fotos e o que achou do resultado?
Giu topa tirar foto um dia desses? Foi assim nosso papo inicial, pá pum! E sem respirar pra responder, disse que sim. Admiro a ellen em muitos aspectos e um dos principais são seus trabalhos fotográficos! Ela disse que ficou feliz, iria me explicar mais pra frente o projeto, marcar um almoço com a equipe pra eu ficar a vontade (me senti diva) e o que mais me deixou boquiaberta: Vou orar pra que dê tudo certo! Daí, eu coloquei todos os meus créditos possíveis no "projeto" dela. Tudo foi conforme as palavras da Ellen... Conheci o snapictures, a equipe (fofos, queridos!) no almoço. Foi quando o Vini disse que queria que fosse do meu jeito, tudo! E eles iriam me ajudar no que precisasse. -É! A gente só complementa suas ideias! -A Pam, meiguinha de tudo, falou. Achei que seria simples, aquela moda antiga de fotos posadas e aquele clima, sem clima. Mas pera aí, como assim?! eles perguntaram até o tipo de música que eu gosto gente!!!!!!! Fora dos padrões, além da expectativa em relação a profissionais tanto quanto o carinho que a equipe transmite em si como pessoas, e deixando tudo Deus em primeiro lugar. Parece que tô paparicando demais né? Mas é assim: quando algo te surpreende, nada menos nada mais que demonstrar o quão feliz que foi a surpresa, uai!

O que você achou do dia das fotos?
AH, pera aí, eu tenho que achar mais adjetivos pra escrever aqui, hehe Quer algo melhor que você estar a vontade, num lugar lindo e rodeado de pessoas com grandes ideias e expectativas?! Cada click a equipe comemorava! E não foi por menos... Era uma engenhóca!! Subir de cavalinho no outro pra tirar a foto, rolar no chão pra pegar o ângulo certo, pular o mato, entre outras coisas que me faziam rir tanto e me sentir, eu! Tão bom ter feito parte disso!

O que você achou da forma como trabalhamos?
Um dos elogios mais bonitos que eu acho é dizer que alguém é simples e humilde de coração. Quem é assim, tem tudo e várias outras qualidades. E a equipe é composta assim, pelos meus adjetivos favoritos! Um complementa o outro nos talentos. E além de tudo, tem ideias graaaaaaandiosas e deixam todos os créditos em Deus. Não da pra esperar menos que um trabalho fora do comum.










E além das fotos, nós também produzimos um vídeo. Se gostarem deem um like e se inscrevam no nosso canal. Beijos com amor 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2015 Poneipam | Distributed By My Blogger Themes | Designed By Blokotka